Setembro é realmente um mês multiuso. Tem a Primavera, as floradas, as chuvas e a Independência do Brasil. Pena que não iremos comemorar esta grande data com o tradicional desfile, que a gestão humanizada esqueceu e quando lembrou, não tinha mais prazo para realizar.

 

Estágio

E a Câmara Municipal de Caraguatatuba implantou uma turma de 15 Estagiários. Quem acha que isso é uma evolução no serviço legislativo está triangularmente enganado.

 

Início

Tudo começou pelo fato de que um certo funcionário da Câmara recebia gratificação para cuidar dos Estagiários na Câmara, que nunca existiram, mas continuava ganhando.

 

Ganha

Pelo menos agora ele ganha e a Câmara tem Estagiários. Pelo menos isso!!!

 

Pressão

Segundo consta houve pressão sobre a Presidência da Câmara definir de uma vez a situação, ou seja, ou parava de pagar a gratificação ou os Estagiários eram contratados, o que acabou ocorrendo.

 

Erros

Se você acha que tudo acabou bem, assim como final de novela, você continua errado!!! A contratação dos Estagiários tem erros técnicos.

 

Lei

Para começar não existe uma lei que define os Estagiários na Câmara e sendo assim, os mesmos não poderiam ser contratados e muito menos pagos.

 

Qualificado

Outro erro apontado é que o Estagiário só pode trabalhar junto a um Servidor Efetivo e Qualificado, como por exemplo; Administrador, Economista, Advogado, Jornalista, dentre outros.

 

Vereador

Os Estagiários estão, na verdade, prestando serviço aos Vereadores, que não são Servidores Efetivos e Qualificados, ou seja, mais um erro quanto a sua contratação e situação.

 

Não É

Se analisarmos a fundo nem o responsável pelos Estagiários é Servidor Efetivo Qualificado para tal, ou seja, nem para este Servidor os Estagiários poderiam trabalhar. É o chamado erro de inicial!!!

 

Proporção

E tome mais um erro na contratação dos Estagiários. Segundo consta a proporção por lei é de 10 Estagiários para um Servidor Efetivo Qualificado com o objetivo de exercer função específica.

 

Repete

Como dissemos, os Estagiários estão cumprindo expediente junto aos Vereadores, o que perfaz mais um erro nesta contratação.

 

Office Boys

De acordo com nossas fontes mais do sabedoras e enfronhadas, os dito Estagiários estão fazendo a função de Office Boys dos Vereadores, o que venhamos e convenhamos, não agrega qualidade ou experiência alguma a eles.

 

Estágio

A função de Estagiário é simplesmente direcionada para o exercício e preparação do futuro profissional na função a qual ele se prepara, seja no Ensino Técnico, Profissionalizante e Superior, pois ao invés de sair cru e desorientado da Universidade apenas com o conhecimento superior, ele sai conhecendo e tendo um pouco de experiência para enfrentar o mercado.

 

Pergunta

Qual experiência e preparação estes Estagiários estão obtendo exercendo função similar à de Office Boy junto aos nossos Vereadores???

 

Memória

Falar sobre a Câmara de Caraguatatuba é exercitar o raciocínio e as lembranças de promessas feitas e não cumpridas. É começar e não parar mais!!!

 

Concurso

Por onde anda o projeto de realizar um Concurso Público na Câmara Municipal??? É bom frisar ao leitor que entre 2017 e 2020 vários funcionários efetivos estarão se aposentando e com isso, suas funções ficarão vagas, necessitando de contratação, por Concurso é claro. Além disso, seria de bom senso que os novatos tivessem a orientação dos mais antigos, para não perder a qualidade do serviço no Legislativo.

 

Casa Nova

E os planos e projetos de se construir um novo prédio para a Câmara Municipal??? Nos últimos quatro anos já pediram terreno, ganharam área e recusaram, já conjecturaram, pensaram, idealizaram e até agora nada!!!

 

Momento

Penso que este é o momento para definir a nova casa do Legislativo local, pois a atual situação, a da familiarização do Poder na cidade é propícia para definir o novo endereço da Casa de Leis, podendo o prédio ficar pronto para 2020.

 

Cartilha

A Câmara Municipal lançou uma Cartilha de Orientação aos eleitores, mais precisamente para o público jovem e infantil. A ideia é boa mas posso garantir, não é original.

 

Cópia

A primeira Cartilha que foi feita para orientar e tirar dúvidas dos eleitores sobre o Legislativo nasceu na Câmara de Vinhedo, no final da década de 90, depois que a Jornalista da época fez um curso de Marketing Político.

 

Idealizador

Registro seja feito, a ideia nasceu num curso promovido pelo Decano, maior e melhor Mestre em Marketing Político do Brasil, Professor Carlos Augusto Manhanelli, que por sinal, é meu amigo particular.

 

Copiado

Ainda sobre a Cartilha, segundo nossas fontes, esta elaborada pela Câmara é cópia de um outro autor, provavelmente também copiada da Câmara de Vinhedo.

 

Chacrinha

O Velho Guerreiro já dizia. “Nesta vida nada se cria, tudo se copia!!!”.

 

Eleição

Como dissemos na coluna anterior, faltando 15 meses para a eleição da Mesa Diretora da Câmara para o segundo Biênio – 2019/2020, já surgem os primeiros interessados. O primeiro nome que aparece é o de Duda Silva.

 

Candidato

Duda Silva é um dos novatos, eleitos em 2016 e ao que parece o vírus do Poder contaminou-o, pois já almeja o cargo mais alto no Legislativo. O candidato pretende chegar ao poder com o apoio da atual gestão e de alguns impugnados pela Justiça Eleitoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *