O Prefeito Reeleito de Caraguatatuba, Aguilar Júnior cumpre uma de suas várias promessas para esta segunda gestão, trazendo para o Hospital Regional uma unidade de Oncologia (Câncer). Se por um lado reforça a estrutura do estabelecimento hospitalar sonhada há tanto tempo, por outro não significa que todos os pacientes terão vaga na cidade.

A reivindicação vem sendo feita insistentemente ao Governo Estadual nos últimos quatro anos, o que pode ser visto como uma vitória, visto o tempo que o Hospital Regional levou para ser construído, para entrar em funcionamento e nem sequer foi inaugurado oficialmente.

O setor de Oncologia iniciou seus trabalhos no dia 1º de Setembro, quando atenderá 16 pacientes diariamente, para tratamentos com Radioterapia e Quimioterapia.

O Hospital Regional em Caraguatatuba atenderá os pacientes do Litoral Norte, com tratamentos de média e alta complexidade, fazendo parte de um circuito que teve início em Taubaté, posteriormente em São José dos Campos e agora em Caraguatatuba, bem como em outras regiões do estado.

A princípio o setor de Oncologia deverá atender os novos pacientes de Câncer da região, mas é bom lembrar que a unidade fará parte do Sistema Cross – Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde – podendo ser transferido para outras cidades e regiões, como Taubaté, Jacareí ou Barretos.

É bom lembrar que o Sistema Cross cadastra os pacientes com diagnóstico consumado de Câncer, não importando o tipo ou variedade, colocando-o em Hospitais que tenham este tipo de serviço, não importando a região, desde que seja no Estado de São Paulo.

Seguindo a praxe, o mais correto será que os pacientes que já estejam sendo atendidos em outros hospitais continuem o tratamento, com a possibilidade ou não, de pacientes locais venham a ser tratados em Caraguatatuba, podendo também haver a transferência, que pode ser solicitada pelo paciente. O Blog Contra & Verso ouviu alguns pacientes com Câncer e muitos deles informaram desejar se manter nos locais que lhes foram determinados, pelo fato da Oncologia em Caraguá ainda ser nova e inexperiente e por estar acostumado com o local a qual está sendo tratado.

Regras e determinações a parte, o mais importante é que Caraguatatuba reforça a qualidade dos serviços oferecidos aos seus moradores, bem como do Litoral Norte, no tratamento de uma doença tão delicada e mortal, que vem ceifando vidas diariamente, ao longo dos últimos 30 anos. O Hospital Regional é uma reivindicação que vem sendo solicitada há pelo menos 40 anos, pois até poucos anos a cidade tinha apenas a Casa de Saúde Stella Maris, sendo que atualmente conta com um hospital particular e agora o Hospital Regional do Litoral Norte, que é mantido pelo Governo Estadual.

A vinda do Hospital Regional motivou o debate pela criação de um Hospital Municipal, com serviços de baixa complexidade e que atenda apenas os moradores locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *