Blogueando 5_800x600

 

E para um período morno na política, onde todos estão mais preocupados no presente magro do Papai Noel, até que a semana rendeu bem, pois este é o terceiro Blogueando na mesma semana e seguido. Sendo assim, leia e fica inteirado com o melhor dos bastidores da política local.

 

Foto

E uma foto deu o que falar nas Redes Sociais nos últimos dias. Na imagem aparecem, lado a lado, com direito a sorriso e tudo mais Gilson Mendes e Nivaldo Alves. A imaginação fértil de muitas pessoa fluiu, ferveu e ficou acesa que nem brasa de churrasqueira.

 

Fórum

A foto em questão mostra os dois pretensos pré-candidatos no Fórum local, enquanto aguardavam para depor em processo de calúnia movido pela Prefeitura contra uma certa pessoa. Alguém de brincadeira resolveu fazer a foto e aí a quizumba estava feita……………..!!!!!!!!!!!

 

OAB

E a subseção da OAB de Caraguá ocorreu há vários dias, com a vitória do causídico Carlos Felipe Tobias, com 158 votos, contra Diogo Nogueira, com 156 votos. Uma disputa acirrada. Parabéns ao vencedor………..!!!!!!!!

 

Apoios

Ao que parece a eleição foi cercada de fortes apoios. Enquanto Carlos Felipe teve o apoio de Nivaldo Alves, que também é Advogado, Diogo Nogueira teve o apoio de vários ex-Presidentes, do Vereador Neto Bota e do Prefeito Antonio Carlos. Pelo visto os peixes graúdos não influenciaram o bastante.

 

Moral da História

O que fica desta eleição. É público e notório que a OAB é a maior instituição fiscalizadora das Leis e do seu cumprimento e ficou claro que o apoio político colocaria em dúvida se haveria transparência quanto a esta fiscalização.

 

Estudos

Muito do que se publica nesta coluna vem do conhecimento e da experiência deste analista político, jornalista graduado e pós-graduado que vos escreve, com 30 anos na labuta da cachaça desta profissão. Aliás adoro escrever Analista Político, mais ainda quando certos otários, de categoria deprimente, ética questionável e conhecimento medíocre, ficam nervosos ao lerem isso. Para você eu recomendo o seguinte: Pega aquela lingerie de perna e barrigueira da sua tia velha, a sandália de salto da sua mãe e o batom vermelho dama da noite da sua irmã e sai sassaricando por aí. Garanto que faz mais sucesso do que a sua atual função.

 

Saiu

E o Coronel Cláudio Longo pediu exoneração, para alegria dos Marronzinhos, trabalhando até o dia 30 de novembro. O militar reformado já havia atuado no Esporte, Meio Ambiente e por último na Segurança Municipal, Defesa Civil e Trânsito.

 

Situação

Segundo consta Longo não teria suportado mais a guerra fria instaurada pela categoria no que tange as reclamações quanto a sua atuação a frente da pasta.

 

Fiel

Amigo fiel de Antonio Carlos e possuidor de uma personalidade e caráter forte, típico de comandantes militares que já chefiaram Companhias, Batalhões e Comandos de Policiamento de Área, sua linha de trabalho colidiu com o estilo de trabalho dos Agentes de Trânsito do município.

 

Assume

Quem assume a vaga é o Major Oduvaldo Romano, que chefiava a Defesa Civil do município há anos e que no início teria sido cotado para assumir a Guarda Civil Municipal.

 

Presepadas

A fuzarca entre Longo e os Agentes de Trânsito começou com uma reunião na Câmara, onde só chegou as mãos da imprensa um ofício reclamando de carga horária de trabalho. Nesta reunião um segundo documento, que assinalava problemas de Assédio Moral, foi entregue via Sedex 10 para o lacrimejante assessor do Todo Poderoso, Lúcio Fernandes.

 

Enrolando

Como bom assessor e apaziguador de problemas, Lúcio ficou enrolando com o problema por cerca de 30 dias, até que os Marronzinhos abriram a boca novamente e tornaram a reclamar.

 

Ouvidoria

A tchurma de marrom voltou a carga e desta vez conseguiu uma audiência com o Prefeito Antonio Carlos, quando optaram por protocolar uma reclamação formal de Assédio Moral na Ouvidoria Municipal, que está com o seu pessoal deitado, visto que cansaram de esperar de pé e sentados.

 

Sindserv

Então o que o pessoal do trânsito decidiu; Levar o tal documento para o Sindserv – Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caraguatatuba, que remeteu para o Jurídico da entidade com o objetivo de analisar. O Contra & Verso solicitou acesso ao documento pois tinha intenção de escrever uma suíte sobre o assunto.

 

Esquece

Foi aí que este Colunista Político – adoro escrever isso – recebeu uma constatação que o deixou pasmo. Ao mesmo tempo que o documento foi para o Jurídico do Sindserv, o Coronel Longo anunciava que iria deixar a Secretaria no final de novembro e qual foi a reação dos Marronzinhos??? Simplesmente avisou para o Presidente Sarão que não precisava dar andamento, pois o Coronel estava de saída.

 

Exemplo

Simplesmente achei isso deslumbrante. Imagine alguém que tenha lhe feito mal e você faz uma queixa contra ele na justiça, mas ao mesmo tempo descobre que o malfeitor saiu da cidade, aí você vai até o delegado e diz a ele: “Tudo bem doutor, deixa para lá o bandido foi embora da cidade!!!”. Simplesmente um absurdo.

 

Pressão

E quer saber mais??? O Sindicato não pode discutir ou contestar a ordem absurda da citada categoria de Servidores que sentiu-se prejudicada, pois segundo nossas fontes, ao inquirir sobre o fato o Servidor ou grupo de Servidores ameaça abandonar a entidade, o que deixa Sarão em papos de aranha. Isso é inadmissível!!!

 

Licença

O Vereador Nenzão pediu afastamento de 30 dias iniciais que poderão, segundo nossas fontes, se expandir por até 60 dias, devido a problemas de Saúde. Fazia tempo que um Vereador se afastava por tanto tempo.

 

Último

O último grande afastamento foi por intermédio de Pedro Ivo, devido a problemas nos seus joelhos. No passado era um tal de assumir suplente com 15, 20, 30 dias de atestado. Era um troca-troca de deixar o Todo Poderoso com inveja.

Assume

Quem assumiu foi o suplente Capitão Campos Júnior, ex-integrante da Polícia Ambiental e que no passado também assumiu por um período limitado.

 

Dúvida

A dúvida que paira sobre o assunto é a seguinte: Segundo Projeto de Lei do Vereador Celso Pereira o suplente só poderá ser chamado a partir do 46º ou 61º dia de afastamento do Parlamentar Titular. A propositura visa impedir o comércio de licença e atestados de Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *