A velha máxima que aprendemos na escola diz que “Na Vida nada se cria, tudo se Transforma!!!”. Já o Mestre Chacrinha apregoava em seus programas que “Na Televisão nada se cria, tudo se copia!!!”. Na Gastronomia ou Culinária, é você quem escolhe, “Nada se perde, tudo se reinventa!!!”. Fique atento aos truques feitos pelos estabelecimentos comerciais do ramo culinário para aumentar o lucro e dar ao cliente uma falsa satisfação.

Lembro bem de meu finado pai, em 1987, quando estávamos na Grécia e durante o jantar, o garçom escorregou e derrubou o prato de carne pelo chão. Sem graça e totalmente constrangido o garçom recolheu a comida e voltou para a cozinha, trazendo outra porção de carne minutos depois. Meu pai na sua sabedoria disse: “Amanhã vai ter croquete de carne!!!”. Todos duvidaram e no dia seguinte o hotel serviu Croquete para os hóspedes e o pessoal da excursão baixou a cabeça para a experiência de meu finado pai.

Marmitas reduzidas, arroz misturado ao feijão, Marmitex com divisórias, custo inicial alto por causa da Pandemia, Taxa de Entrega cara devido à dificuldade de conseguir um Motoboy ou por causa da distância de entrega, Saladas do tamanho de Bolachas e as vezes misturadas na comida são algumas da alternativas para reduzir o custo final e manter um alto preço de venda para você saciar a sua fome diária.

Tradicionalmente estas artimanhas passam desapercebidas e já fazem parte do nosso dia-a-dia por diversas razões, aceitáveis, compreendidas e as vezes não entendidas, mas se tornaram tradição. O que falaremos neste texto diz respeito a algumas artimanhas que terminam por lesar o cliente, seja qual for a intenção.

Por duas vezes, e nunca mais irei apenas convidado, visitei o Quiosque do Café do Caraguá Praia Shopping, que agora está sob nova direção. O serviço é satisfatório, o atendimento é feito com carinho e atenção, porém o mesmo não podemos afirmar quanto aos produtos apresentados e respectivos preços.

Além dos deliciosos bolos, gostava de tomar um café duplo e experimentei o Pão de Queijo na forma de Waffles e foi aí que notei o problema. Nas duas vezes que lá frequentei o meu café duplo veio pela metade e o Pão de Queijo era nada mais, nada menos do que um triângulo pequeno. Questionei a funcionária e a mesma me disse que era o procedimento ordenado pela chefia. Falei com a chefia que alegou ser o tamanho normal do Pão de Queijo e que a máquina de Café Expresso é que ditava o tamanho da xícara dupla de café.

Ouvi atentamente e como bom jornalista, não resfoleguei e tratei de pesquisar sobre o assunto e posso garantir, o que descobri não foi algo favorável, mostrando que há algo de errado no procedimento daquele estabelecimento.

A Redação do Blog Contra & Verso, através de sua coluna Gastronômica procurou outras casas que vendem os mesmos produtos consumidos naquele local e nos trouxeram uma grande dúvida.

Vamos falar do Pão de Queijo no Waffles. As formas existentes no mercado e usadas pelas Cafeterias são redondas ou retangulares e o tamanho do produto em questão varia da quantidade que extrair do pote. Se você tirar uma concha reforçada, com certeza terá um belo Pão de Queijo feito em 3 minutos, com a espessura variando, da quantidade retirada do pote. Agora, se você pegar uma porção ínfima do produto e centralizado em um dos quatro quartos da chapa da tostadeira, o Pão de Queijo servido para você será pequeno, consumido facilmente em duas mordidas.

Quanto ao Café a situação é mais delicada. As máquinas mais antigas você obtêm o controle da quantidade vigiando a xícara pela quantidade de água. Já as máquinas mais modernas você apenas clica no tamanho desejado, sendo servido no seu desejo, ou seja, como a quantidade é a mesma de café e é sempre pouca, é a dosagem de água que determina o tamanho do seu café. Ainda assim não entendi a razão de vir pela metade, pois se a xícara é composta por pouco pó a quantidade de água usada não irá aumentar o custo do empresário.

O que mais eleva a irritação neste caso é que os preços praticados pelo Quiosque, com o tamanho reduzido são quase os mesmos do seu concorrente no mesmo local, distante cerca de cinco metros um do outro.

É sempre bom lembrar que o custo de qualquer alimento está muito alto por causa da Pandemia e locais que cobram uma pequena diferença por produtos de menor quantidade não são o que podemos chamar de um bom custo benefício.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *