*Stefan Massinger

 

Como já foram apresentados 3 fatos curiosos na coluna da semana passada, vou continuar com a numeração. Estes fatos continuem sendo do blog do grupo Wine, a maior importadora do Brasil e sim continuem sendo comentados por opinião própria minha!

  1. O Brasil é onde o consumo mais tem crescido

Brasil depois de muitos anos conseguiu passar a marca de consumo do vinho de 2 litros por capita por ano. Exatamente 2,6 lts. Pensando que os campeões deste ranking consomem entre 56 para 60 litros por capita por ano, temos espaço para “crescer”. Infelizmente também dentro destes 2,6 litros são mais que 1,5 litro por capita por ano do vinho adocicado artificialmente (“suave”), que só existe no Brasil. Em outros países por legislação nem seria considerado vinho …, mas sobre isso vamos preencher uma outra coluna. Voltando sobre consumo do Brasil – tem algo positivo nestes 2,6 litros sim!

A OIV constatou que o consumo geral de vinhos aumentou na América do Sul em 2020. Países como a Argentina e o Brasil têm alavancado este dado.

O destaque vai para o Brasil, que consumiu mais de 4 milhões de hectolitros de vinho em 2020, um aumento de cerca de 18% na procura pela bebida.

  1. Os espumantes brasileiros têm qualidade reconhecida no mundo todo

Embora existam bons tintos e vinhos brancos produzidos em território nacional, são os espumantes que garantem nossa fama no mundo enológico. A cada ano, os exemplares produzidos na Serra Gaúcha conquistam certificados e premiações internacionais, reforçando a excelência da produção.

Permite-me de ser oraculo e constar, que está se estabelecendo uma “cultura de espumantes tropicais” no nosso país. Consumido por muitos, produzido em excelente qualidade, parece, que as borbulhas na taça chegaram para ficar. E sim, combinem muito bem com nossa culinária tão variável e rica. Mas espumantes bruts são verdadeiras coringas na cozinha – combinem com sobremesas e frutas, tanto como com peixes e mariscos, mas também com a variedade grande de carne da panela e sim até com feijoada é uma delícia num dia quente em família!

 

* Stefan Massinger nasceu na Áustria, sul de Viena, numa região de vinhos. Vive em Caraguatatuba, sendo master do grupo Wine, o maior e-commerce de vinhos da América Latina, treinando interessados como empreender no mundo do vinho. Também tem uma empresa de venda de vinhos on-line e atua também como consultor independente de negócios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *