O Governador João Dória Júnior adiou e não explicou a razão de não inaugurar o Centro de Oncologia do Hospital Regional durante visita à Caraguatatuba para a retomada das Obras dos Contornos da Rodovia dos Tamoios, paralisadas há três anos e que deverão estar prontas em 26 meses. A Imprensa local foi impedida de fazer perguntas durante a Coletiva promovida para o evento. O Prefeito de Ilhabela criticou a retomada e o Prefeito de São Sebastião não esteve presente.

Estiveram presentes ao evento, além do Prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Júnior, o seu irmão e Presidente da Câmara, Tato Aguilar, o ex-Prefeito José Pereira de Aguilar, o Assessor Parlamentar Wilson Gobetti, o Chefe de Gabinete Marcos Fleire e outros membros do gabinete, além dos Vereadores Cristian Bota, Antonio Carlos Júnior, Marcos Kinkas, Celso Pereira, Vera Morais, dentre outros.

Os Prefeitos de Paraibuna e Redenção da Serra também estiveram presentes, além da Prefeita Flávia Pascoal de Ubatuba e de Ilhabela, Toninho Colucci. Os Deputados Estaduais André do Prado e Mílton Leite, além do Federal Eduardo Cury, o Secretário de Transportes João Otaviano, membros do Staff da Polícia Militar, do Consórcio Tamoios e outras Secretarias Estaduais.

O Prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto não esteve presente e para o Blog Contra & Verso respondeu que não compareceu por conta de outros compromissos e pelo fato do governador tomar a decisão de antecipar a chegada e fazer uma visita rápida e devido a isso, solicitou que sua equipe estivesse presente ao evento.

Um evento desastroso em termos de Imprensa e Comunicação marcou a retomada das Obras dos Contornos da Tamoios, paralisadas há três anos e que deverão ficar prontas em Novembro de 2023. Horas antes do evento, marcado para ontem às 10h30 um convite marcando para às 12h30 a inauguração do Centro de Oncologia do Hospital Regional em Caraguatatuba havia sido distribuído e logo em seguida foi cancelado sem que houvesse uma explicação.

Após a confirmação do nosso cadastro junto a Secretaria Estadual de Comunicação, recebemos a informação de que o Governador responderia apenas quatro perguntas, requisitadas momentos antes da Coletiva e concedidas para três veículos televisivos. Com isso a Imprensa Local ficou impedida de fazer perguntas e cumprir a sua pauta.

Mesmo com esta restrição e duelando com os Seguranças do Governador, todos eles Policiais Militares a paisana, o Blog Contra & Verso conseguiu perguntar a razão do cancelamento da inauguração do Centro de Oncologia do Hospital Regional. Simplesmente o Governador nos endereçou ao Secretário Estadual da Saúde, que não estava presente no local. Outros jornalistas conseguiram apenas uma pergunta e a resposta foi a mesma, endereçada ao Secretário Estadual correspondente, ou seja, o Governador se blindou e não respondeu a outras questões ligadas a ele e a região. Um Radialista foi impedido de entregar um cartão de visitas ao Governador pela Segurança.

Na pauta do Contra & Verso, além do setor de Oncologia, tínhamos perguntas sobre a avaliação dada a ele na gestão do Estado de São Paulo pelo Datafolha, de 4,7 que variava de zero a 10 e pelo índice de 4% dado ao candidato a sucessão do Governador, o Vice Rodrigo Garcia, em Pesquisa de Opinião formulada pelo Datafolha, numa situação sem o ex-Governador Geraldo Alckmin, que detêm 22% das intenções de voto.

A blindagem de Dória contra a Imprensa só não se mostrava quando o Veículo era de vídeo. Em determinado momento, ao responder para um veículo local perguntou: “Onde está a sua Câmera???”.

O Prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci disse não discutir o imbróglio entre a Secretaria Estadual de Saúde e a Prefeitura no que tange as Vacinas do Covid-19. “Não vou mais discutir com o Governador sobre este assunto, pois ganhei na Justiça o direito de receber mais de 5 mil Vacinas”, disse. O descontentamento do Prefeito não parou por aí. Para Colucci a retomada das obras merecem um acompanhamento diário e mais atento, pois ainda existem obras inacabadas da primeira fase e estranhamente o Consórcio Tamoios “ganhou” a obra, no valor de R$ 1.5 Bilhões e que deverá gerar mais de 2 mil empregos sem Licitação.

Quanto ao setor de Oncologia do Hospital Regional, o único a responder sobre o assunto foi o Prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Júnior: “A inauguração não foi cancelada, foi postergada para Outubro, provavelmente no dia 15”, uma resposta honesta, direta e sincera. Segundo o Dicionário Aurélio, Postergar é deixar para outro momento, colocar em segundo plano, desprezar, dar descaso ao fato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *