Por Beá Moreira

 

Que tal um jogo,

prá distrair?

Noites insones,

Nós sem dormir.

Talvez, no físico,

Você se dê bem!

Mas se requer paciência,

Eu sou eu, mais ninguém!

Joga comigo!

Vem arriscar!

Esses jogos noturnos

Não são jogos de azar!

São jogos de amor,

De esconder e achar.

Jogos de prazer…

É pegar ou largar!

 

Beá Moreira é Cientista Social, e comenta sobre o cotidiano e suas nuances, de forma descontraída e despretensiosa, buscando fazer do leitor de qualquer idade, um companheiro de bate papo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *