Nos últimos dias o Litoral Norte recebeu a notícia de que o Poupatempo – Equipamento Social do Governo Estadual – terá filiais em Ubatuba e São Sebastião. Mais do que uma melhora na qualidade de vida dos contribuintes da região a vinda destas estruturas significa uma Vitória Política para os seus mandatários, beneficiando os seus respectivos moradores.

O Poupatempo veio para resolver com mais agilidade e rapidez as questões mais simples do dia-a-dia do cidadão, como Carteira de Habilitação, Documentação do Veículo, Carteira de Identidade, Antecedentes Criminais, Questões Trabalhistas incluindo a Carteira de Trabalho, dentre outros.

Na verdade o Poupatempo nasceu para tornar fácil tudo aquilo que já existia em setores diferenciados como o Detran, Posto de Atendimento ao Trabalhador, Secretaria de Segurança Pública e outros mais setores que compõem a vida de um cidadão, pois ao invés de melhorar a estrutura destes setores, resolveu-se juntá-los num só prédio, criando uma espécie de “Shopping de Atividades Sociais”.

No Litoral Norte apenas Caraguatatuba tinha este equipamento social Governamental, obrigando moradores de Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião a se locomoverem para solucionar as diversas situações do cotidiano de um morador local, que ao invés de levar cerca de 45 dias para um novo ou atualizado RG ou de 15 a 30 dias para renovação de CNH, teriam estes documentos em mãos em horas ou, em alguns casos, menos de cinco dias. Como a b base do Poupatempo é facilitar e agilizar estes documentos, andar de 25 a 50 quilômetros para esta solução não se encaixava no quesito “facilidade”.

O problema é que certos assuntos ou melhorias, voltadas para a qualidade de vida do contribuinte, ainda mais ligado ao Governo Estadual, não se conseguem da noite para o dia, no caso do Poupatempo, de um ano para o outro, necessitando de muito esforço político para a conquista de um equipamento deste porte para o seu município.

Este é o gancho deste texto, mostrar que houve vontade política e muito debate, para mostrar a necessidade, pelos Prefeitos Felipe Augusto, de São Sebastião e Flávia Pascoal, de Ubatuba da necessidade de uma unidade do Poupatempo em suas cidades, reduzindo o tempo de locomoção e aumentando a estrutura do cidadão em sua cidade, trazendo mais facilidades para ele. É visto como certo que uma unidade do Poupatempo aumenta e melhora o volume de negócios quando o assunto é o ramo automotivo, bem como a facilidade de obter certos documentos visando o emprego ou a condição social do cidadão.

Àqueles que certamente irão criticar a medida, pergunto porque em Ubatuba esta benfeitoria não foi conquistada anteriormente???. Já em São Sebastião o Poupatempo veio como promessa de campanha para a segunda gestão do Executivo local!!! A resposta é simples: Vontade Política e muito trabalho em prol de uma cidade, além de obrigação de mostrar realizações para dignificar a confiança depositada pelo eleitor no último pleito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *