O assunto Fluxo rendeu tanto que mereceu uma segunda coluna para abordar este drástico fato.

 

Polícia

O Blog Contra & Verso conversou com o Tenente-Coronel César, Comandante do 20º BPM/I sobre o assunto, pois acima de tudo este Fluxo nada mais é do que um caso de Polícia.

 

Pobreza

Segundo o Comandante 99% dos participantes são jovens menos abastados da zona sul da cidade, que não tem um local para diversão noturna.

 

Baleados

O Tenente-Coronel confirmou que houve uma briga há cerca de duas semanas e que três menores foram baleados no local. Não se sabe a razão, mas conjectura-se que o entrevero pode ter sido por causa de drogas ou de sexo.

 

Local

Segundo o Comandante César a ideia seria a de estruturar um local para acolher estes menores para a sua diversão noturna de fim de semana. A ideia do policial, juntamente com a Prefeitura seria a de separar a Praça de Eventos no Porto Novo.

 

Estrutura

Neste local haveria estrutura de banheiros, uma área com pouquíssimos vizinhos e com possibilidade de fechamento, vigilância e monitoramento.

 

Justiça

Na verdade a Polícia Militar entende que é desnecessária uma ação mais dura e drástica para com o Fluxo, pelo simples fato de que a justiça não corresponderia ao que seria feito pelos militares.

 

Detenção

Como não haveria detenção para com os jovens envolvidos, o que aconteceria seriam ações do Conselho Tutelar e do Juiz da Infância e Adolescência e nenhum deles seria confinado na Fundação Casa.

 

Olho Vivo

Com o novo local a Polícia Militar poderia verificar quem está vendendo drogas ou bebida para menores, procedendo a devida detenção ou apreensão.

 

Organizador

Ainda segundo a Polícia, não há um organizador do evento, pois os mesmos combinam entre si o local e o horário de início.

 

Mantenedor

Continua o Comandante César informando que não há também um mantenedor, ou seja, o som e a energia para o seu funcionamento vem dos carros que estão no local, bem como a bebida, ou seja, é toda uma ação de jovens menores desvairados.

 

Geração

Esta geração de idiotas, se não for bem dirigida e orientada irá se transformar, com certeza, numa geração de marginais, quadrilheiros, traficantes e exemplo para as gerações que estão por vir.

 

Familiares

É dever também destes pais, verificar o que está ocorrendo, dar a orientação necessária, uma boa conversa esclarecedora, evitando ter maiores problemas no futuro.

 

Familiar

Com a ruptura da estrutura familiar, a maioria dos pais são na verdade, responsáveis por estes jovens, por viverem maritalmente com suas parceiras e por causa disso não terem qualquer comprometimento com a educação destes rebeldes desorientados.

 

Prejuízo

É bom lembrar para você, pai ou responsável, que os problemas oriundos de uma má educação aos seus filhos ou enteados trazem um severo prejuízo aos cofres públicos, que resultarão, com certeza, num aumento de impostos ou falta de serviços públicos.

 

Saúde

Dependência de Drogas e Álcool, Doenças Sexualmente transmissíveis, Aids, Cirrose, Câncer de Pulmão e Fígado e muitas outras doenças poderão se tornar um grande índice no futuro e você, por não ser pobre e não se importar com a diversão de seus filhos ou responsáveis, terão que levá-los para o devido tratamento na Rede Pública Municipal de Saúde.

 

Crimes

Tráfico de Drogas, Contrabando de Armas, Agressão, Homicídio, Roubo, Furto, Latrocínio, Estupro e malefícios a menores são alguns dos crimes que a Polícia Militar e Civil terão que solucionar oriundos desta livre diversão e que poderiam ser evitados, deixando a Segurança Pública liberada para cuidar de outros crimes, marginais e quadrilhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *