FOTO LEGENDA – TSE veta criação do Partido Nacional Corintiano

Partido Nacional Corintiano 1

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) rejeitou em sessão do dia 24 de setembro o registro do PNC (Partido Nacional Corintiano), por não apresentar a documentação básica exigida para novas legendas, como o apoio mínimo de 486 mil eleitores e a implantação de Diretórios em nove unidades da Federação.

O dirigente Juan Antonio Moreno Grangeiro deverá encaminhar novo pedido de registro, agora enviando todos os documentos necessários para a devida aprovação.

O Site de Notícias CONTRA & VERSO noticiou com exclusividade os integrantes do PNC coletando assinaturas em Caraguatatuba e no Litoral Norte. Baseado no amor pela camisa alvinegra, do time de loucos que reúne milhões por todo o país um grupo de pessoas esteve coletando assinaturas tentando se tornar o mais novo partido político do Brasil.

Na época já haviam sido feitas 150 mil assinaturas e para chegar a este número, Ana Claudia Ribeiro e Oséias Souza estiveram na cidade angariando assinaturas, fornecendo nome e cidade, com a obtenção de 200 assinaturas e uma expectativa de 500/dia no período.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *