O ex-Vereador Germinio de Souza foi condecorado pelo IHM – Instituto Histórico Militar – no último dia cinco de dezembro – quarta-feira – no Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo, ao lado de autoridades como o Coronel Telhada da Polícia Militar. A honraria foi dada com base nos relevantes serviços prestados durante e após a Vereança em diversos bairros carentes de Caraguatatuba.

O prêmio foi dado em conjunto pelo Instituto Histórico Militar, na pessoa do Subtenente Ivanildo Garcia – Diretor Institucional e a Câmara Municipal de São Paulo no Salão Nobre do 8º andar da sede do Legislativo Paulista no período noturno. No evento foram agraciados com a medalha “Combatentes da Força Pública”, personalidades e autoridades Civis e Militares, Instituições Públicas e Privadas de elevado destaque e que tenham prestado relevantes serviços a preservação da História Militar, a Segurança Pública e a atos meritórios à Sociedade.

Ainda no convite, a indicação do nome do ex-Vereador deu-se em virtude de Germínio ser possuidor de um extenso e exemplar currículo de trabalho, competência, honestidade e de transparência junto à sociedade, exemplo digno de ser seguido por todos os homens de boa fé, honestos e de caráter ilibado, voltados em prol de uma nação mais igualitária, justa e perfeita.

Segundo Germínio a premiação foi dada por meio da equipe de transição do Presidente Bolsonaro, graças a intermediação de seu velho amigo Léo Botelho, que é amigo pessoal do Presidente. No evento estiveram presentes o alto escalão da Polícia Civil, Polícia Militar e do Exército Brasileiro. A premiação veio dos trabalhos realizados nos bairros do Olaria e Perequê quando exerceu a Vereança entre 2005 e 2008. Germínio de Souza tem 52 anos, é casado, tem três filhas, é aposentado e empresário em Caraguatatuba, morando atualmente no bairro do Travessão, na zona sul da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *