O Servidor Público Municipal Paulo Rogério Pimenta de Melo, lotado na Secretaria Municipal de Esportes e Lazer foi preso e liberado após o pagamento de fiança na noite de 6 de junho, no quilometro 80 + 800 metros da SP-99 – Rodovia dos Tamoios por furto de Cones de sinalização. O Servidor apresentava sinais de embriaguez. Paulo Pimenta de Melo é irmão do Vereador Oswaldo Pimenta de Melo Neto – Chininha.

O fato foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Caraguatatuba às 18h20 de terça-feira – 6 de junho e só foi finalizado nos primeiros 6 minutos do dia seguinte como Furto de Patrimônio e Embriaguez ao Volante. Paulo Pimenta de Melo estava acompanhado de José Antonio Lourenço Cristino, Policial Militar aposentado do Rio de Janeiro. Participaram também Fábio Mauro Vivoni, representante da Concessionária Tamoios e os Policiais Militares Rodoviários Gabriel Tavares Costa e Rodrigo Marinho Morais.

Segundo o histórico da ocorrência Paulo Pimenta de Melo dirigia uma camioneta Ford/Ecosport branca, ano 2015 e placas FLW-3560 pela Rodovia dos Tamoios, altura do quilometro 80 + 800 metros no bairro do Rio do Ouro quando na data e horário já citados foi flagrado pelas câmeras de segurança da Concessionária Tamoios, empresa que administra a Rodovia e suas obras de ampliação, furtando 3 Cones de Sinalização no valor unitário de R$ 160,00. Imediatamente os Policiais Rodoviários realizaram a abordagem ao veículo, localizando no seu interior os Cones de Sinalização.

De acordo com as declarações no Boletim de Ocorrência, Paulo Pimenta de Melo informou aos policiais que os cones estavam no meio da rodovia no trecho de serra, recolhendo-os para entregar no Posto da Polícia Rodoviária, negando que iria furtá-los. Na ocasião os Policiais Rodoviários informam que Paulo Pimenta de Melo apresentava forte odor etílico e ao ser indagado sobre o fato negou e continuou negando quando foi convidado a realizar o teste etilômetro – Teste do Bafômetro – e por causa disso, levado para a Delegacia de Polícia Civil para as devidas providências. Os policiais contam no BO que em nenhum momento Paulo Pimenta de Melo indicou que iria parar no Posto da Polícia Rodoviária para entregar os Cones de Sinalização.

Como se recusou a fazer o teste do Bafômetro, foi requisitado um médico para a obtenção de sangue, com intuito de realizar um exame clínico para a constatação do estado de embriaguez. O Delegado do caso, Pedro Rocha Rosati deliberou prender em flagrante Paulo Pimenta de Melo pelo artigo 155 e artigo 14 – inciso 2º, sendo liberado em seguida, mediante o pagamento de fiança estipulada em R$ 1.000,00 para responder o processo em liberdade. A redação do Blog CONTRA & VERSO solicitou as imagens do furto junto a administração da Concessionária Nova Tamoios e foi respondido que repassaria apenas com um pedido judicial. Ao mesmo tempo tentou falar com Paulo Pimenta de Melo através do celular, deixando recado para retorno, o que não foi feito até o fechamento deste texto.

 

Foto: Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *