*Por José Castro

 

Portugal no Brasil e no Mundo, quase sempre alterna o conteúdo entre Karate e cultura de Portugal, hoje vem falar de um tema que pode ser comum a todos em geral.

Muitas vezes nos damos conta que precisamos de nos retirar do barulho ou bagunça, seja para organizar ideias, pensar na melhor decisão a tomar em um determinado momento, ou mesmo para agradecer, (esta com menos frequência), todas as bênçãos concedidas a cada dia. Quase sempre de olhos fechados, estamos fazendo algo comum que achamos que é feito apenas com quem pratica Artes Marciais, que dá pelo nome Mokuso.

Mokuso, é uma palavra usada antes e depois da aula de Caratê. Antes destina-se à concentração do local, esquecendo tudo que ficou lá fora, devendo esvaziar a nossa mente de tudo o que nos apoquenta. No final, destina-se a recordar ou fazendo gravação do que aprendemos ou foi passado na aula. Podemos também e devemos agradecer pela oportunidade de estarmos naquele momento assimilando através do seu legado, sendo em seguida recitado o lema do Caratê ( Dojo kun) MOKUSO, sua duração e posição corporal.

Não tem tempo fixo ou definido para MOKUSO, embora quase sempre é um minuto ou menos, mas devido a ser feito de olhos fechados, a técnica a usar é a duração de dez respirações profundas, que quase sempre excede os sessenta segundos.

A posição é ajoelhado, peito dos pés encostado no solo, joelhos ligeiramente afastados, um punho aproximadamente e os glúteos nos calcanhares. Devido a ser uma posição comum a algumas religiões, esta tem alguns entraves em outras. Mokuso. Grato pela leitura

 

*JOSÉ PEREIRA CASTRO Tem 55 anos, está cursando o Ensino Médio. Tem formação de Vigilante, Manipulação de Alimentos e Informática, além de experiência em Geriatria e Restauração. É Faixa Preta de Karatê Shotokan JKA  2°- Grau (Ni Dan), ministra aulas para crianças a partir dos quatro anos, adolescentes, adultos sem limite de idade e PcD, assim como aulas de Defesa Pessoal, voltada para Mulheres e Forças de Segurança. www.ckscjka.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *