E quando você imaginava ter que estar atento a todo tipo de golpe, como por exemplo o do “Sequestro Relâmpago”, elaborado de dentro dos Presídios brasileiros, vem a novidade; O GOLPE DO CARRO QUEBRADO!!!.

Em suma o golpe é parecido com aquele já mencionado, com pequenas diferenças, pois utiliza-se de terceiros de boa fé para se consumar. Não importando qual o tipo ou grau do golpe, deve-se ficar atento sempre.

Tudo começa com uma ligação e uma pergunta, ao contrário do já tradicional golpe, só que desta vez não é de um sequestrado ou alguém pedindo resgate, mas sim de um sobrinho ou primo. “Tio, sou eu!!! Tudo bem???”. A pessoa do outro lado fica preocupada e responde positivamente. A partir daí vem o golpe.

“Tio, estou indo visitar o senhor, mas o carro quebrou e eu estou sem dinheiro aqui no mecânico, o senhor poderia mandar o dinheiro por um Motoboy que eu devolvo para o senhor quando chegar???”. Nesse ínterim o malandro já contatou um serviço de Moto Táxi e perguntou quanto cobraria para pegar dinheiro em determinado lugar e depositar na conta dele. Neste caso o valor do conserto já está incluído na taxa do Motoboy, que pensa apenas estar cumprindo a obrigação a qual foi contratado.

O enganado só descobre o golpe quando o suposto parente não chega em casa para a visita. Segundo Heron Domiciano, líder e fundador do serviço de Moto Táxi e Moto Frete em Caraguatatuba foi alvo de uma destas ações em outubro do ano passado, chegando a ser convocado pelo Delegado de Polícia Civil para prestar esclarecimentos. Heron conta que recentemente recebeu uma nova chamada sobre o mesmo assunto, recusando-a prontamente.

Como afirmamos, é necessário ficar atento a este tipo de golpe, nunca aceitando fazer o que lhe pedem, mas sim ligando para o suposto parente para confirmar, além é claro, de pedir informações deste parente, para saber se está falando realmente com alguém da família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *