O ser humano, os grupos, a Sociedade Civil Organizada busca todos os dias, a todo instante a Paz e a Felicidade. Para que este sonho seja realizado o ser humano criou o Estado, as Leis e as regras necessárias para uma boa convivência, manutenção e eternização deste ideal. Quando se fala em estado me refiro ao poder constituído em todos os níveis, na sua cidade (Municipal), no seu conjunto de cidades (Estadual) e no grupo de estados (Federação ou Federal). Hoje, a entidade que foi criada para organizar a vida de uma comunidade, não importa o seu tamanho, acabou se tornando a culpada por tudo que acontece de errado. Se as instituições não agem a contento é culpa do Estado. Se o povo caminha para o erro e para o mal a culpa também é do Estado. Até que ponto isso é verdade???

Entendam como o assunto é delicado e aparenta não ter solução. Se uma pessoa não possui os requisitos necessários para uma convivência pacífica entre grupos e pessoas é porque sua família não a ensinou como devia, o que pode significar falta de vergonha na cara ou falha do estado que não soube ministrar uma educação melhor.

Ao mesmo tempo o criminoso rouba, mata, furta ou causa prejuízo por ter uma índole ruim ou o estado faltou em lhe dar as condições necessárias para uma vida digna e por causa disso, enveredou pelo caminho do crime. Por outro lado o policial truculento sem necessidade faz isso por não ter sido treinado da maneira correta, o que remete a culpa ao estado, que não o treinou ou deu a devida estrutura física, monetária e psicológica para isso.

Os viciados em drogas não tiveram o devido respaldo de suas famílias, que não receberam a orientação devida pelo estado ou foram prejudicados pelo estado que não lhes deu as condições mínimas de sobrevivência??? O empresário que frauda o fisco e a Receita Federal faz isso por que seu pai fazia o mesmo, copiando seu avô, que não acredita no estado e nunca viu o estado fazer nada então de raiva, não recolhe os impostos e taxas devidas??? O fato do estado ser falho e corrupto obriga o contribuinte a ser desonesto???

O leitor já entendeu que este texto não tem um fim e que continuar seria o mesmo que discutir o sexo dos anjos. Antes de criticar o estado e exigir melhorias dele, o melhor seria que o ser humano, suas famílias e seus grupos de interação sejam honestos, transparentes e possuidores de sensatez e do bom senso. Fazendo a sua parte a Sociedade Civil Organizada pode exigir do estado a devida transparência, honestidade e consequentemente a realização de obras e trabalhos de infra estrutura necessária para dar as comunidades a dignidade, a felicidade, o bem estar e a estrutura necessária.

Em resumo este é um jogo onde os dois lados vencem e perdem, não há um vencedor mas sim dois perdedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *