*Stefan Massinger

 

Nas colunas anteriores do Bardo do Baco já passamos por várias estações e fatos incríveis da história do mundo do vinho. Achei um texto fantástico no blog do Mundo educação do Uol sobre o vinho na época medieval. Além dos fatos apresentados aqui sendo deste blog, achei muito positivo, que esta bebida maravilhosa, tão antiga, mas tão jovem no mesmo tempo está agora com entradas nos blogs educacionais. Merecidamente – Porque vinho sim, é cultura, faz parte da história humana, e está inseparável de muitos acontecimentos da humanidade ao longo da história. – Alguns deles estou captando aqui e reproduzindo para meus caros leitores ganhem conhecimento do mesmo. Na Idade Média, o consumo do vinho tornou-se muito intenso em várias regiões da Europa. Isso ocorreu, em parte, em razão da herança do hábito romano de apreciar tal bebida e, em parte, em face da liturgia cristã, que incluiu o vinho em sua cerimônia. Além disso, destaca-se a faculdade tônica do vinho, que servia muito bem às regiões frias e úmidas do norte europeu. Tem mais um aspecto, que deixou o consumo do vinho crescer nesta época, que é o fato, que em muitos lugares a água era cheio de bactérias e impróprio para o consumo. Sabemos, que muitas pessoas consumiram água mesmo assim, mas sofrem permanentemente de problemas intestinais e endocrinológicos. O consumo de uma bebida, que contem álcool, além dos destilados de frutas e raízes, se tornou uma alternativa útil e viável para se manter saudável.

Temos que saber, que o vinho da uva era predominante, mas tomava se também hidromel, uma herança dos antigos celtas, que dominavam Europa antes da época medieval, mas cujos influencias culturais sobreviveram até hoje. Em algumas regiões tomava se muito vinho de maçã ou de pera – mais conhecido com cidra, mas e uma certa forma podemos considerar estas bebidas também como vinho, e feitos sob o aspecto de ter algo fermentado, com álcool, que mate bactérias e assim aumente a chance de sobrevivência.

 

* Stefan Massinger nasceu na Áustria, sul de Viena, numa região de vinhos. Vive em Caraguatatuba, sendo Master do grupo Wine, o maior e-commerce de vinhos da América Latina, treinando interessados como empreender no mundo do vinho. Também tem uma empresa de venda de vinhos on-line e atua também como consultor independente de negócios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *