O Fundo Social de São Sebastião pediu a doação de um imóvel em desuso para a criação do seu Banco de Alimentos Municipal. O pedido foi feito ao Deputado Antonio Carlos Júnior que irá intermediar junto ao Governo Estadual.

A Prefeitura de São Sebastião, através da Primeira-Dama e responsável pelo Fundo Social de Solidariedade, Michelli Veneziani visitou seu irmão e Deputado Estadual Antonio Carlos Júnior na última semana, levando a solicitação da doação de um prédio em desuso, pertencente ao Governo Estadual, para a criação do Banco de Alimentos Municipal.

O prédio fica na rua Ipiranga, no centro da cidade e pertence a Casa da Agricultura de Pindamonhangaba. Segundo o ofício encaminhado ao Deputado o prédio encontra-se em desuso, vazio, sujo e com problemas estruturais e de ordem sanitária, tornando-se o local certo para implantar este projeto social.

O Banco de Alimento é um tradicional projeto de Políticas Públicas de âmbito social e tem por objetivo reduzir as perdas dos diversos alimentos que são vendidos diariamente. Em miúdos o caso é o seguinte; Frutas, Verduras e Legumes que não tem a aparência perfeita para venda, apresentam manchas ou sinais de afundamentos podem ser reaproveitadas e servir aos mais carentes. A serventia destes alimentos pode ser revertida na entrega de kits à população ou na elaboração de refeições por sistema de mutirão.

Supermercados, Quitandas, Mercadinhos e Distribuidores de Alimentos são os principais parceiros de um Banco de Alimentos Municipal, pois periodicamente poderão enviar as “sobras” que serão readequadas e reutilizadas pela população.

O Deputado prometeu foco e atenção especial quanto a esta solicitação, que poderá ajudar em muito as famílias carentes de São Sebastião. Atualmente o brasileiro joga fora cerca de 37% dos alimentos que compra diariamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *